Vinificação, acidez e denominação de origem

Vinificação, acidez e denominação de origem

Vinificação, acidez e denominação de origem 1

Se você já gostou de consumir vinho fino, por ventura percebeu que tem uma infinidade de opções para escolher. Embora os freguêses normalmente gravitem em direção a nomes de marcas, você bem como pode encontrar uma fortuna de vinhos diferentes de centenas de pequenos produtores. Efetivamente, é possível achar um vinho muito mais interessante fazendo tua lição de casa. Nesse post, abordaremos a vinificação, a acidez e a denominação de origem.

Vinificação

O recurso de fabricação de vinho é denominado como vinificação. Começa com a seleção de frutas e fermentação em álcool. O método termina com o engarrafamento do líquido acabado. A história da elaboração de vinho é de milênios e a ciência da construção de vinho e o procedimento é conhecida como oenologia. Um enólogo também é conhecido como Vintner. Neste local estão alguns dados sobre vinificação. Em geral, a criação de vinho começa com a seleção de frutas e termina com o engarrafamento do líquido acabado.

Vinologia

Um mestrado em vinologia permite que os alunos se especializem na ciência do vinho. Eles estudarão fisiologia da vinha, saúde vegetal, ciência sensorial e criação do vinho. Os alunos podem escolher uma especialização ou aprender tudo sobre a fabricação de vinhos. O programa assim como acrescenta o programa de reembolso de mensalidades do Exército e foi projetado para as pessoas que quiser assimilar sobre o assunto vinho. O programa está acessível para compra on -line. O gasto é de US $ 299 por ano e não há taxas mensais ou anuais.

Apelação de origem

Pela Espanha, o sistema de denominamento de origem (AOO) é fundado no denominacion de origena protegida (DOP). Na atualidade, existem noventa e seis regiões de DOP com níveis variados de qualidade. Os produtores de vinho conseguem usar um rótulo DOP ou IGP. Listados abaixo estão alguns dos benefícios de cada um desses sistemas. Se você está interessado sobre isso como qualquer um deles funciona, continue visualizando pra estudar sobre os dados.

Acidez

O gerenciamento microbiológico da acidez no vinho é fundamentado em dois processos principais, acidificação e desacidificação. O ácido lático é produzido na bactéria L. timetoleranos em concentrações de imensos gramas por litro e redução de pH por novas unidades decimais. Algumas bactérias acidificantes, como S. cerevisiae e Saccharomyces sp., Produzem pequenas quantidades de ácido lático, ácido a-cetoglutarico e ácido succínico.

Terminar

‘Acabamento’ menciona -se à duração dos sabores agradáveis ​​e aromas depois que o bebedor engoliu o vidro. É um indicador significativo da qualidade do vinho como quanto mais tempo o sabor, melhor. No entanto, o termo ‘acabamento’ é normalmente considerado um termo negativo pelos sommeliers devido ao seu prefixo, AB. Em vez disso, eles preferem as frases’rverberation ‘ou’ finale ‘. O comprimento do acabamento é estabelecido por quanto tempo dura pela boca. Para visualizar pouco mais nesse cenário, você podes acessar o blog melhor referenciado deste conteúdo, nele tenho certeza que encontrará novas referências tão boas quanto estas, encontre no hiperlink deste web site: Apenas clique na seguinte página do website.

Se você estava interessado no assunto desse post, nesse lugar estão mais novas páginas com conteúdo idêntico:

Nosso site

Peça completa da redaçăo

simplesmente clique no seguinte post